Artigo 725 Sobre a Remuneração do Corretor

Artigo 725 Sobre a Remuneração do Corretor

Artigo 725 – Interpretações Sobre a Remuneração do Corretor.

 

Artigo 725 Sobre a Remuneração do Corretor, CC – Lei nº 10.406 de 10 de Janeiro de 2002, Institui o Código Civil, Art. 725. A remuneração é devida ao corretor uma vez que tenha conseguido o resultado previsto no contrato de mediação, ou ainda que este não se efetive em virtude de arrependimento das partes.

Um advogado certa vez me disse que os artigos assim como as passagens biblicas, podem ser interpretados de milhares de maneiras, na parte aonde fala, ”referente ao artigo 725” ou ainda que este não se efetive em virtude de arrependimento das partes, qual seria o seu entendimento ?.

ARTIGO 725
ARTIGO 725

No meu entendimento o corretor de imóveis tem direito a comissão, no seguinte caso :

 

quando apresenta as partes pois fez a ligação entre o comprador que quer comprar o imóvel, e o vendedor que objetiva vender a propriedade, senão fosse o corretor de imóveis as partes nunca iriam se encontrar, mas infelizmente existem pessoas de má fé, que após terem se beneficiado da ponte feita pelo corretor de imóveis, optam por chutar o corretor e fechar o negócio diretamente.

Existem diversas decisões judiciais dando ganho de causa para corretores de imóveis, mas na maioria delas o que foi determinante para que o corretor recebesse a comissão foi o seguinte :

Evidência Material

As provas fazem toda a diferença, por isso prezado colega corretor de imóveis, ao iniciar os trabalhos tome os seguinte cuidados, 1-) faça o cliente assinar um termo de visitação, isso provará que você esteve lá com ele e é uma prova que você aproximou as partes, 2-) troca de emails com o proprietário e com o comprador, mas uma prova de que você se movimentou na transação, é bom lembrar que o corretor pode perder a venda por ociosidade, então sempre entre em contato com as partes, 3-) tire a proposta do comprador, por menor que seja a proposta leve a conhecimento do vendedor, mande por email e o chame para assinar, caso ele não aceite o valor pelo menos peça para ele assinar o recebimento, caso ele se recuse a pelo menos assinar o recebimento, mande uma notificação por carta registrada.

Para que você ganhe a comissão nos tribunais, é primordial que o corretor de imóveis esteja municiado do máximo de provas possíveis, fiz um pequeno artigo a alguns anos atrás entitulado, Corretor de imóveis de Heroi a Vilão http://bancodosimoveis.net/corretor-de-imoveis-de-heroi-a-vilao/ – que fala um pouco sobre esse universo, nós corretores de imóveis devemos ter tudo documentado só dessa maneira faremos jus aos nossos honorários.


Artigo de Sérgio Barbosa

Permito a reprodução desde que preservado o link original e mencione o autor.